quarta-feira, 11 de junho de 2008

Edith Piaf - a Nimegue - Non, Je Ne Regrette Rien

Impossível alguma música mais romântica. Uma belíssima apresentação e no final ela é ovacionada com o público em pé. Mereceu!

Não, eu não me arrependo de nada

Não, de jeito nenhum
Não, eu
não me arrependo de nada
Nem o bem que me fizeram, nem o mal
Tudo me
parece igual

Não, de jeito nenhum
Não, eu não me arrependo de
nada
Está pago, varrido, esquecido
Eu estou farta do passado

Com
minhas lembranças,
eu alimentei o fogo
Eu não preciso
mais delas

Varri meus amores
Junto a seus aborrecimentos
Varri
para sempre*
Eu volto ao zero

Não, de jeito nenhum
Não, eu não
me arrependo
de nada
Nem o bem que me fizeram, nem o mal
Tudo me
parece igual

Não, de jeito nenhum
Não, eu não me arrependo de nada
Minha vida
Minhas alegrias
Hoje
Começam com você



4 comentários:

Isabela disse...

Essa mulher era um genio.

Heri, hodie, cras, cotidie... disse...

Essa traduçao desta música de Edith Piaf é emocionante! Lindo blog o seu. Um abraço.

Rodrigo Azevedo disse...

A ultima cena do filme PIAF-UM HINO AO AMOR ao som da musica que voce citou foi um dos momentos mais belos do cinema no ano passado.

camargo disse...

adorei o filme Piaf , essa sim foi uma artista de verdade, que letra de música linda